• Post published:17 de novembro de 2020

Em reconhecimento aos relevantes serviços prestados durante o período de atuação no cargo de comandantes-gerais do Corpo de Bombeiros Militar (CBMAC), dez coronéis da reserva foram homenageados pelo governo do Estado do Acre com a entrega da Medalha de Comando – Coragem e Abnegação, nesta segunda-feira, 26. A honraria foi criada especialmente para enaltecer o trabalho desses profissionais em prol da população.

Em seu pronunciamento, o governador Gladson Cameli destacou a bravura e o comprometimento dos ex-comandantes na brilhante trajetória do Corpo de Bombeiros acreano. Para o gestor, os militares são exemplo e suas valiosas contribuições ajudaram no desenvolvimento do Acre.

“O momento é de muita gratidão da nossa parte a estes ex-comandantes. Eles contribuíram diretamente para o progresso do nosso estado. Cabe a mim, como governador, fazer este reconhecimento e aproveitar a experiência de cada um deles para que possamos aperfeiçoar ainda mais o serviço do Corpo de Bombeiros”, afirmou.

A solenidade, realizada no Memorial dos Autonomistas, em Rio Branco, foi marcada por diversas homenagens a outras autoridades militares e civis. O chefe do Gabinete Militar, coronel Amarildo Camargo, o procurador-geral do Estado, João Paulo Setti Aguiar, e o subprocurador-geral do Estado, Leonardo Silva Cesário Rosa, receberam a Medalha Imperador Dom Pedro II – Grau III – Grão Oficial.

Já o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN), coronel Luiz Monteiro da Silva Júnior, o subcomandante da mesma corporação, coronel Josenildo Acioli Bento, e o comandante do Serviço de Operações da instituição potiguar, major Christiano Wanderley Couceiro Costa foram honrados, respectivamente, com a Medalha Imperador Dom Pedro II – Grau II – Grão Comendador e Grau IV – Grão Cavaleiro.

Houve o agraciamento ao comandante-geral do CBMAC, coronel Carlos Batista, ao subcomandante-geral, coronel Charles Santos, e ao ajudante de ordens do comandante-geral, capitão Marcos Coutinho, por meio a Medalha do Mérito Major José Osias da Silva, a mais alta condecoração concedida pelo Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte.

A cerimônia contou também com a participação do vice-governador, Major Rocha; do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo César Gomes; do diretor-geral de Polícia Civil, Josemar Portes; do diretor-presidente do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), Arlenilson Cunha; e familiares dos homenageados.